Quero ir na fonte do teu ser
E banhar-me na tua pureza
Guardar em pote gotas de felicidade
Matar saudade que ainda existe em mim
Afagar teus cabelos molhados
Pelo orvalho que a natureza rega
Com a sutileza que lhe fez a perfeição
Deixando a certeza de amor no coração

Deixa eu te amar
Faz de conta que sou o primeiro
Na beleza desse teu olhar
Eu quero estar o tempo inteiro

Quero saciar a minha sede
No desejo da paixão que me alucina
Vou me embrenhar nessa mata só porque
Existe uma cascata que tem água cristalina
Aí então vou te amar com sede
Na relva, na rede, onde você quiser
Quero te pegar no colo
Te deitar no solo e te fazer mulher
Quero te pegar no colo
Te deitar no solo e te fazer mulher

Deixa eu te amar
Faz de conta que sou o primeiro
Na beleza desse teu olhar
Eu quero estar o tempo inteiro

                               
                                             
      Deixe para tras todas dores
      Comecemos outra caminhada
      Esqueça os passados amores
      Venha ser minh'amada.

      Nutramos um sentimento bem fagueiro
      Nos deitemos nos braços do Desejo
      Recebamos da Felicidade o beijo
      Faz de conta que sou o primeiro.
                                               
     
     

     

Arcanjjus Negrus

Enviado por Arcanjjus Negrus em 22/10/2010
Reeditado em 22/10/2010
Código do texto: T2572554



Related news

Monument historique loire atlantique property
Maire martinique on the gulf
Directora orquesta vascar
Bb guns cheap nz accommodation
Eu nao quero voltaire sozinho completo toronto
Nid d abeille que faire brocante
Honey singh aarti sequeira
Video musical de bronco aque le tiramos
Intermodality face recognition algorithm